';

Casa do Povo de Obidos

Casa do Povo de Óbidos Pessoa entrevistada: Vitor Rodrigues Função: Presidente da Direção Sector de atividades ou valências: Creche, Jardim de Infância e Serviço de Apoio ao Domicilio Tecnologia instalada:

Casa Povo Obidos (2)

Casa do Povo de Óbidos

Pessoa entrevistada: Vitor Rodrigues
Função: Presidente da Direção
Sector de atividades ou valências: Creche, Jardim de Infância e Serviço de Apoio ao Domicilio
Tecnologia instalada: Biometria

Questionário efectuado ao cliente :

1) Antes do nosso contacto, tinham conhecimento da nossa tecnologia?
-Não, não tínhamos conhecimento da tecnologia.

2) Ficaram esclarecidos e gostaram do que vos foi explicado na reunião?
-Sim, ficamos esclarecidos e de certa forma gostámos do que nos foi explicado.

3) A nível da instalação e do trabalho técnico, ficaram satisfeitos?
-Sim. Demonstraram muito profissionalismo e simpatia.

4) Quais as mais-valias que consideraram para instalar o nosso sistema?
-Erro de leitura de impressão digital inexistente (comparativamente ao que tínhamos na altura). Mas o principal foi a segurança e o controlo que este sistema nos
faculta.

5) Usam o leitor biométrico e/ou as câmaras com que finalidade?
-Utilizamos para controlo de entrada e saída da Instituição de pais das crianças e pessoas autorizadas a virem buscar as crianças, e para controlo de assiduidade
dos colaboradores.

6) No passado, tiveram alguns problemas na empresa/instituição?
-Anteriormente tínhamos uma outra máquina que de vez enquanto não registava corretamente o dedo (dificuldade em ler impressões digitais) e que agora já não
acontece.

7) O que mudou no funcionamento da sua empresa/instituição?
-Existe muito menos reclamações de não funcionamento da máquina, sendo mais fácil o controlo de entradas e saídas, bem como o de assiduidade.

8) No geral, estão satisfeitos com a nossa tecnologia?
-Sim, estamos muito satisfeitos, embora o software seja pouco intuitivo para o tratamento de dados particularizados.

9) Recomendaria a tecnologias Almas Industries?
-Sim. Sem dúvida uma mais-valia.